Radiologia

Radiologia Quiropráxica  e Espinografia 

Dr. Pablo Dias – Fisioterapeuta Quiropraxista e Professor de Radiologia e Espinografia em Quiropraxia

spinobjDaniel David Palmer e Wilhelm Conrad Roentgen nasceram no mesmo ano e cada um deles as cinquenta anos fizeram suas descobertas. David Palmer revelou a Quiropraxia e Roentgen nos deu o Raio X que veio a  se tornar uma ferramenta indispensável a Fisioterapia Quiropráxica. No entanto foi BJ Palmer  em 1910 que começou a chamar o uso do Raio X Quiropráxico de Espinografia, que é um método específico de análise do Complexo Subluxação Quiropráxica (CSV).  Muitos quiropraxistas em todo mundo acreditam que todo caso deve ser espinografado pelo menos uma única vez, pois está ferramenta promove uma abordagem científica e de grande ajuda ao tratamento Quiropráxico.

A Fisioterapia Quiropraxica atual incorpora procedimentos de elevada complexidade na terapia ajustiva articular. O aprofundamento técnico nos estudos de imagem é fundamental para o avanço da especialidade. A Radiologia quiropráxica se dedica intensamente na avaliação da coluna vertebral, e esquelética, proporcionando através de uma exploração imagenológica funcional,  informações valiosíssimas para o profissional da área de Fisioterapia e Quiropraxia possibilitando melhor abordagem terapêutica e segurança.

A espinografia é uma técnica utilizada para a avaliação de subluxações da coluna vertebral.

spinoderÉ considerada  como uma arte de analisar as radiografias para o propósito de encontrar subluxações em potencial que devem ser ajustada. Objetiva compreender a anatomia radiológica para obter o ajuste mais apropriado e enfim  desenvolver a conduta mais apropriada  promovendo a emissão de parecer espinográfico e a melhor orientação diagnóstica para o paciente. É através desta técnica e em conjunto com a palpação estática e dinâmica em que o  Fisioterapeuta Quiropraxista define qual a técnica mais apropriada a ser aplicada no paciente, tornando-se  indispensável para as técnicas Gonstead e  muito útil para outros métodos de terapia manual e manipulativa.

Conhecimentos de relevância:

Padrões Radiologia Quiropráxica

Alterações Degenerativas Articulares

Avaliação radiológica da vértebra não manipulável

Anatomia da coluna cervical;

Análise das linhas- Palmer-Gonstead

Interpretação da Espinografia perfil

Construção da Linha Base Sacral

Construção do Ângulo de Ferguson

Método de Avaliação de Espondilolistese

Interpretação da Espinografia A-P

Anatomia  Radiológica da Pelve

Princípios de Lovett

Avaliação segundo Risser

Radiologia da Instabilidade Articular

Análise do Raio-X da pelve

Achados do filme radiológico

Princípios de Gonstead: Análise e decisão de qual subluxação ajustar, segundo Gonstead

Saiba Mais:

http://w3.palmer.edu/technique/faculty%20links/burns/spinographyvisual%207.16.10.pdf